03 maio 2007

Um intervalo


Pois é, desde o 25 de Abril que não “posto” nada e pelos vistos até ao final de Junho ainda vai ser mais critico….

Falando um pouco da foto acima.

Ao fundo da rua, e para quem não conhece, o edifício branco que se vê é o Museu Machado Castro (a parte traseira), o museu encontra-se em obras e vai ser totalmente remodelado.

Mas como estudante de História e tendo um professor como Arqueólogo, adivinhem onde fui?

Pois…. não propriamente ao Museu (que desapareceu no meio das obras), mas aos subterrâneos do museu, dois pisos abaixo de terra, que era nada mais nada menos que o Critopórtico Romano datado do século I, esta parte que ainda está a ser explorada e descoberta pelos arqueólogos vai estar aberta ao público, para visitas, quando o museu reabrir.

Foi extraordinário percorrer aqueles túneis completamente conservados e originais, percorremos história de hà 2000 anos atrás, tal qual como foi concebida, extraordinário.

Mas estou muito revoltada, pois foi uma surpresa que o professor nos fez, exactamente no dia em que não trouxe comigo a minha fiel amiga: a minha máquina fotográfica. Sem comentários!

Este Critopórtico é o edifico original de grandes porpoções que se mantém intacto em todo o antigo Império Romano. Extraordinário. Mesmo de paredes-meias com a minha Faculdade!

A rua que se vê na foto, era autora, uma das principais ruas da Aeminium (actual cidade de Coimbra).

Sabiam que, onde actualmente está a estação de comboios de Coimbra, junto ao rio Mondego, pensasse que era o Porto de Mar da cidade?

Sim, onde está o Rio Mondego no séc. I seria mar…. extraordinário!

Chega de História por hoje senão tenho a minha prima Sandra à perna!

4 comentários:

Vieira Calado disse...

É sempre reconfortante ver perservar o que é valioso antigo, como as coisas simples da vida.
Um abraço

dina disse...

sou um zero à esquerda em história mas gostava muito de lá ter estado, essas coisas fazem-me sonhar com as coisas que lá se podiam ter passado :)

Mocho Falante disse...

ficava aqui a ler histórias dessas toda a noite.

PS: No próximo sábado vou estar em Coimbra para o famoso concerto e vou tentar descobrir a famosa rua

beijocas

Caracolinha disse...

É realmente fantástico e pensar nas coisas assim dá-nos uma perspectiva completamente diferente de muitas realidades ... obrigada por este bocadinho de história ... de certeza que a prima Sandra não se importa ... :)

Olha querida, se tiveres tempo passa na casca e vê se consegues ajudar a amiga molusca a procurar a pérola musical que lá está ... :)

Obrigada !!!!

Beijinho encaracolado e abraço apertado !!!!