10 outubro 2006

As gotas da existência...

A minha vida ultimamente pode comparar-se com estas gotinhas de água.
Cada gotinha é uma tarefa na qual me propus executar.
Todas estão separadas, todas são muito diferentes umas das outras, mas todas tem um fim comum, chegar ao fundo da folha e pingar para a raiz da planta, saciar-lhe a sede.

Assim é a minha vida agora, por isso não vos tenho visitados, por isso estou um pouco ausente e talvez assim continue, pois neste momento há outras prioridades. Sinto saudades vossas, mas penso em vós e de vez em quando, quando realmente puder vou tentar visitar-vos, entretanto vou escrevendo dando novidades.

A rubrica de “Um livro à Quarta", passará a chamar-se “Um Livro de Vez em Quando”.
*******************************

Abri ao acaso o “Manual do Guerreiro da Luz” de Paulo Coelho e li este pensamento:

Um guerreiro da luz precisa de paciência e rapidez ao mesmo tempo.

Os dois maiores erros de uma estratégia são: agir antes da hora ou deixar que a oportunidade passe longe; para evitar isso, o guerreiro trata cada situação como se fosse única e não aplica fórmulas, receitas ou opiniões alheias.

O califa Moauiyat perguntou a Omr Bem Al-Aas qual era o segredo da sua habilidade política:

“Nunca me meti num assunto sem ter estudado previamente a retirada; por outro lado, nunca entrei e quis sair a correr”, foi a resposta.





8 comentários:

Formiguinha disse...

A gente espera por ti;)
Bjinhos***

Fatima Vinagre disse...

Um excelente analogia que fizeste com as gotas de água. Quanto a nós não te preocupes, cá te esperamos! Bj

eco_bio_veg disse...

Olá, gostei muito do teu blog e dos teus trabalhos lindíssimos. As florinhas de croché são adoráveis: é a tua mãe que faz? Talento hereditário ;)

Sandra Pereira disse...

A gente cá te espera...
Sandra*

Badala disse...

Lindas gotas.
Lindas frases.
Espero que o "teu fim comum" seja a felicidade.

Sininho disse...

Belas frases e que tenhas um planta bem saciada, tudo de bom

Meia Lua disse...

Pois aqui ficaremos à espera de voltares. Beijinhos :*

Luisa disse...

Apesar de todas as tarefas em que estás metida ainda tens tempo de nos dar tão belos pensamentos!