16 maio 2006

Que pensar do futuro?

Desde que ando nestas "andanças" de dar uma "mãozinha" aos animais abandonados e maltratados, sinto cada vez mais vergonha da futilidade que é o Ser Humano.
Há uma lei no escutismo que diz:

O Escuta é amigo das Plantas e dos Animais

Digam-me, é assim tão difícil?
O Blog do Sá - o Ideias fixas fez uma analogia muito interessante que acabei de ler agora e que me fez pensar que futuro, que futuro para todos?

7 comentários:

Luisa disse...

Já fui ver o blog Ideias Fixas e impressionou-me a comparação que ele faz entre animais e pessoas. Nada é impossível: abatem-se os animais porque os donos não os querem, abatem-se árvores para fazer estradas, abatem-se bébés porque são um empecilho para os Pais e abatem-se os Velhos porque os mais novos não têm tempo para eles. É por este caminho que a nossa sociedade está a ir.

O que eu quiser disse...

curioso, a poucos dias vi este mesmo tema num outro blog... de facto é impressionante como as pessoas são tão cegas ao ponto de não verem ou não querem ver este tipo de situações....
fico muito triste com isto...

Amaral disse...

Ainda ontem tive a oportunidade de ver o "opinião pública" na SIC Notícias, sobre as touradas, e fiquei perplexo com muitas opiniões de ouvintes que telefonavam e do convidado que apoiava a "arte" de tourear e matar um touro numa arena. Que me perdoem os aficcionados, mas... nós, humanos, estamos em evolução. Não podemos manter a mentalidade daqueles que, há milhares de anos, pulavam e vibravam nas bancadas dos circos romanos, assistindo a espectáculos degradantes de lutas até à morte, entre gladiadores, escravos e animais selvagens...

sa morais disse...

Obrigado pela referência.
De facto não posso deixar de sentir apreensão pelo futuro de um mundo que passa muito ao lado daquilo que eu esperava dele, daquilo que eu pensava ser a evolução humana... No entanto, tal como no fundo da caixa de Pandora, há sempre a esperança... Temos de acreditar nisso ou nada fará sentido... Adivinham-se tempos dificeis e "combates" complicados por um futuro diferente daquele que imaginei. Pessoas como vocês fazem-me manter essa ténue esperança. Obrigado.

igo... disse...

Quero o livro á quarta... hj é quarta !!! Um beijinho, gmc

Anónimo disse...

O Sá tem razão, mas cabe a nós mudar as coisas. E também tem razão quando vos gaba! Belo trabalho! Nunca desistam daquilo que está certo!

Andreia T.

Anónimo disse...

Quem faz mal aos animais tb faz às pessoas! Deviam de haver leis que punissem a maladade e a crueldade contra os animais. Enquanto não as há, temos de estar atentos.





Sabath