14 agosto 2006

Adeus Linda... para sempre...

Há uns anos atrás a “Linda” foi abandonada e desprezada por alguém sem coração.
Por pura sorte, entrou nas nossas vidas, era um membro da família sem qualquer sombra de dúvida.
Aquele olhar doce.
A felicidade quando nos via.
O agradecimento inconfundível por a termos tirado da rua.
A paixão pelo gato “Pitucha”.
O receio do gato “Tico”.
Brincalhona com os miúdos.
Calma connosco.
Ainda assim, ao fim de 5 anos ao pé de nós, sempre que baixávamos a mão para lhe fazer uma festa, aninhava-se toda.... recordações de vidas passadas...
Era uma óptima cadela de guarda. Não havia ninguém que entrasse no portão.
Era conhecida na rua por “aquela” que teve muita sorte.
Sorte tivemos nós pelo amor que nos deu, pelo carinho que nos proporcionou...
Linda minha querida amiga, tenho saudades tuas querida....
Tenho que ser forte mas não consigo, sinto a tua falta....


A Linda estava internada desde 4ª feira, faleceu ontem vitima de uma gastro-entrite grave, provavelmente provocada por envenenamento, era velhinha e não aguentou.
A nossa Linda foi-nos tirada por pura estupidez, por alguém que não gosta de animais, matou mais uns gatos selvagens e provavelmente muito coelhos (pois reduziram drasticamente)... para essa pessoa só lhe desejo felicidade, pois uma pessoa com um intimo desses nunca deve de ter sido feliz, talvez se fosse feliz não era tão velhaca.
Felicidade para ti monstro malvado.
A minha Linda tinha razão em te ladrar e não gostar de ti, a rua inteira tem razão em te desprezar, mas a ti só te desejo FELICIDADE, pois assim deixarás de praticar o mal.

14 comentários:

tibeu disse...

Triste
Simplesmente bom dia, um saltinho ao pc bj

siri disse...

=(

Luisa disse...

Sentida homenagem à vossa Linda! Foi pena ter desaparecido assim, vítima de envenamento. Que maldade as pessoas escondem dentro de si!

dina disse...

lamento imenso, mas não sou tão boa como tu, não consigo desejar felicidades a pessoas a assim, pelo contrário sinto-me ferver e perceber que não tenho vocação para santa...

ainda bem,que pelo menos enquanto esteve com vocês a Linda foi feliz

beijinhos

Paulo Nabais disse...

Era realmente uma cadela especial e importante na vida familiar. Gostei muito de a ter connosco e da amizade que se criou. Ficará sempre no nosso seio. Fico-me por aqui porque a última parte do teu texto não merece sequer de ser lido...

Jinhos.

Sininho disse...

Estou convosco e com a vossa dor, tb eu sei o que é perder um membro dsa familia de quatro patas, não foi por envenenamento, isso sim é a pior maldade que alguém pode fazer... Estou convosco tb quando desejo felicidade a esse ser, que se o fosse sabia o quanto é bom ter membros na familia assim, sabia o que é dar amor e receber da forma mais desprendida do mundo, sabia que a vida é muito bonita na companhia deles.. Choro pela Linda, onde quer que ela esteja ela olha por vocês e e pelos irmãos que deixou cá em baixo, um grande abraço para ti Linda onde quer que estejas. Para vocês coragem, muita

Sininho disse...

Não é o momento, mas coloquei no meu cantinho um desafio para vocês, vão até lá, quando tudo estiver melhor

Formiguinha disse...

Lamento mto o que aconteceu à Linda, ainda para mais pelo motivo que foi :(((((

Só espero que o filho da puta que a envenenou seja mto infeliz. Desculpa, mas não consigo ter a mesma forma de ver as coisas.

Hj tb passei a manhã com o Said no Hosp. Veterinário. Está com uma gastrite infecciosa, mas já está melhor :)


Bjinhos grandes e um xi-coração apertadinho para todos vocês

saloia disse...

so sorry :(
bjs
mary

Sandra Pereira disse...

Conhecia, era um poço de carinho e de necessidade dele, e vocês encheram-a dele.
Sabes prima da minha alma,... tu lembraste dele e ainda o amas apesar de ter partido à muito...
O meu Biquinho.
Nunca, nunca, mas nunca nos esqueçemos, é impossível, e quando as memórias nos visitam podem cair umas lágrimas, nada melhor para lavar a dor da perda ainda não aceite, mas nada tão primoroso e acalentoso como a lembrança dos ternos momentos passados com ele/as..
E olha, ela está só do outro lado véu, qualquer dia daqui a bastantes anos vais abraçá-la.
Acredito piamente nisso e consola-me.
Sei que quando passar para o outro lado do véu, terei um Biquinho e uma Biquinha a poisar-me nos ombros e aninharem-se ao meu pescoço dando beijinhos/bicadinhas.
Sandra

Mocho Falante disse...

olha fiquei triste...aliás muito triste!

Como sabes também tenho animais e perde-los desta forma tão cruel é de uma violência sem limites e uma dor inxplicável. A ti só te posso dar aquela beijoca doce a ela onde quer que esteja, que te continue a proteger como sempre feze.

Beijocas

sa morais disse...

Nisto alinho mais com a Formiguinha e a Dina... A besta que fez isso merecia era ser desfeita com pancada... Se fizessem isso a um animal meu e eu soubesse quem era, essa pessoa iria ter problemas...

Bem, a raiva por causa de coisas assim ( já me fizeram coisa idêntica, mas nunca soube quem foi o bandalho, o covarde ) tolda-me um pouco a razão...

Um animal, quando entrega a sua lealdade Fá-lo para sempre e esse "sempre" é uma luz que nunca se apaga.

Anónimo disse...

Ao ler a tua mensagem vieram-me as lágrimas aos olhos ...
Conheci a tua Linda e sempre disse que ela teve uma sorte imensa em se ter cruzado no teu caminho ...
Custa dedicarmo-nos aos nossos amigos e eles partirem assim, de modo tão abrupto ...

Muita Força!

Carla

Rosa disse...

Sei bem o que é perder um membro da família de 4 patas, mas nunca perdi nenhum nestas circunstâncias...

Geralmente se diz 'não faças aos outros o que não queres que te façam a ti...'
Uma pessoa assim será sempre miserável.

Força e coragem!